in

Parlamentares adotam cautela sobre período chuvoso

Ely Aguiar esteve no encontro dos profetas da chuva no último sábado

Diante da ocorrência de chuva em diferentes municípios do Ceará, os deputados Ely Aguiar (PSDC) e Moisés Braz (PT) são cautelosos, mas torcem por um bom ano de chuva para amenizar a situação hídrica do Estado.

Os parlamentares também comentam as previsões feitas pelos chamados profetas da chuva que apontam o incremento do período chuvoso em março, enquanto a Funceme ainda não deu seu prognóstico oficial sobre a quadra chuvosa.

Ely Aguiar (PSDC) confia na previsão da sabedoria popular. Ele esteve no encontro dos profetas da chuva no último sábado (13), em Quixadá, e relatou que um dos profetas mais experientes, conhecido como Chico Leiteiro, afirmou que as chuvas viriam até acima da média, mas só se intensificariam a partir de março. “Acredito na sabedoria popular, pois eles vem acertando há muito tempo. Eles disseram que não teremos chuvas para encher nossos reservatórios, mas dará uma amenizada na seca”, pondera.

Incerteza
Já o deputado Moisés Braz (PT) se diz preocupado diante da incerteza em relação às previsões meteorológicas. “Apesar das políticas públicas de convivência com a seca, a falta de chuvas prejudica muito a vida e a produção dos agricultores cearenses. Mas não podemos perder a esperança, tomara que sejamos surpreendidos positivamente”, declara o petista.

Funceme
A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), embora não tenha oficializado seu prognóstico para a estação chuvosa, explica que as chuvas deste período estão associadas ao Vórtice Ciclônico de Altos Níveis. Um sistema característico da pré-estação que tem início em dezembro e vai até o final de janeiro, costumando atuar até fevereiro que é o primeiro mês da quadra chuvosa do Estado.

Com informações da AL

Deixe uma resposta

GIPHY App Key not set. Please check settings