in

Maracanaú participa da “Operação Brasil Integrado” e reforça segurança

A Guarda Municipal, Departamento de Trânsito e Transporte – Demutran, Secretaria do Meio Ambiente e Vigilância Sanitária, todos órgãos do Governo de Maracanaú, participarão neste mês de novembro, da “Operação Brasil Integrado – Proteção à Vida”. A ação, coordenada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça – Senasp/MJ, tem como objetivo principal fortalecer a integração entre as forças de segurança pública em toda a região e intensificar o enfrentamento conjunto ao crime e à violência. As ações se concentrarão em rodovias, pontos de limite entre municípios e de divisa entre estados, além de áreas críticas nas regiões metropolitanas de cada estado. Haverá fiscalização de produtos perigosos, especialmente explosivos. Em Maracanaú, o programa está sob responsabilidade do 14º Batalhão da Policia Militar.
Na última operação, realizada no mês de outubro, pactuaram ações os estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, além do Distrito Federal. No Ceará, participaram membros das Polícias Rodoviária Federal – PRF, Polícia Militar e Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Perícia Forense, Agência Brasileira de Inteligência – Abin e as Forças Armadas.
Balanço – Foram montados, no Ceará, 250 bloqueios policiais e patrulhamentos terrestres, para os quais foram designados 1.801 agentes das forças de segurança federais e estaduais, estando entre eles: 1.024 da Polícia Militar, 314 da Polícia Civil, 8 do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará – CBMCE, 368 da Polícia Rodoviária Federal –  PRF, 28 das Forças Armadas e 67 das forças parceiras – com a Abin e Sefaz. Foram realizadas abordagens a 4.033 pessoas e revistas de 4.357 veículos, dentre carros, motos, ônibus e caminhões, em todo o Estado. Também ocorreram 14 fiscalizações de produtos perigosos.
Durante a operação, foram apreendidas 34 armas de fogo – sendo 26 revólveres, cinco pistolas e três espingardas e 295 munições. Somente no Ceará, 538 pessoas foram capturadas e 80 adolescentes apreendidos – sendo nove adultos e quatro adolescentes pelo crime de homicídio. Em relação às drogas, foram apreendidos 12,9 quilos de maconha, cocaína e crack.
Com informações do Governo Municipal