in

Operação cumpre mandados por fraudes em Maracanaú

Uma operação originada pelo Ministério Público do Estado cumpre, na manhã desta terça-feira (18), 15 mandados de prisão temporária e 26 de busca e apreensão envolvendo fraudes na administração pública de Maracanaú.

A operação foi originada por meio de dois Procedimentos de Investigação Criminal instaurados para apurar cometimento de crimes de fraude em licitação, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, e formação de quadrilha.

Os mandados foram expedidos pelo juiz da 1ª Vara Criminal de Maracanaú, Antônio Jurandy Porto Rosa Júnior, com cumprimento nos municípios de Maracanaú, Fortaleza, Maranguape e Aquiraz.

A operação é uma ação conjunta dos promotores de Justiça do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e das Promotorias de Justiça Criminais e de Defesa do Patrimônio Público da Comarca de Maracanaú, da Secretaria de segurança Pública e Defesa Social, através da Polícia Civil, da Coordenadoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública (COIN) e da Polícia Militar.

Diário do Nordeste