in

São João de Maracanaú valoriza artistas locais

Bandeirinhas e balões coloridos. Famílias, jovens, idosos e crianças passeando pela Vila Pitaguary e conferindo, no palco da Cidade Cenográfica, a Mostra de Violeiros. As duplas de repentistas foram a primeira atração da 4° noite do São João de Maracanaú e divertiu quem estava no local. A primeira dupla foi os maracanauenses José Ferreira e Raimundo Adriano, que animaram o público com os versos improvisados. Feliz, Zé Ferreira fala da alegria de cantar e mostrar o trabalho no evento. “O São João de Maracanaú é muito bom, valoriza nosso trabalho.

Muita gente pensa que em Maracanaú não tem repentistas e com este evento reconhecem nosso trabalho. A gente se apresenta desde 2009 e sempre ficamos felizes com convite e em poder participar”, afirmou. A dupla divertida ainda improvisa “A nossa festa junina, maior evento do Maracanaú, ganhou de Campina Grande e até de Caruaru”.

Passeando pela Vila Pitaguary, o público encontrava artistas maracanauenses vestidos de ladrão, policial, delegado, padre e beatas que arrancavam sorrisos dos visitantes. A humorista Bate Gute e a banda pé de serra Xoteando, que também são atrações locais, foram as últimas apresentações da noite. A humorista, vestida de noiva, fez seu show andando pela Cidade Cenógráfica procurando um pretendente para casar na Igrejinha do Santo Antônio do Pitaguary, outra atração do local, e foi diversão garantida. A banda Xoteando animou e botou o público para dançar.
(Mariana Freitas)